Depoimentos

O que foi mais significativo: conhecer pessoas tão especiais nesse final de semana magnifico e aprender muito!

~ Anandtek Kaur - Anina
{Retiro: O Sagrado Feminino em Nós em Vila Flor, RN em 2014}


"Yoga foi feita para a saúde, felicidade e espírito sagrado do homem. Kundalini Yoga para a saúde, felicidade, espírito sagrado e consciência do homem. O segredo da sua alma é a percepção."

~ Yogi Bhajan

Sobre » Yogi Bhajan

Yogi Bhajan

Um excepcional pioneiro em diferentes áreas, com um entendimento profundo da condição humana, ele criou Instituições permanentes, eventos, e produziu um prolífero corpo de ensinamentos.

Sua Vida

Ele foi o primeiro a ensinar a ciência do Kundalini Yoga publicamente quando de sua chegada no ocidente em 1968. Naquela época anunciou que teria vindo não para ter discípulos mas para formar professores.
Um profundo devoto Sikh, sua inspiração motivou milhares de pessoas ao redor do mundo a abraçar o Sikh Dharma. Em 1971 lhe foi dado o título Siri Singh Sahib e em 1974 foi honrado com o título Bhai Sahib pelo Akal Takhat, na Índia.

O Mestre Yogi BhajanYogi Bhajan, filho de um médico, nasceu em 26 de agosto de 1929, numa parte da Índia hoje pertencente ao Paquistão. Ele passou sua juventude em ambientes privilegiados, teve uma educação exclusiva. Ele estudou em escolas Católicas, responsáveis ainda hoje pela melhor educação das crianças indianas.
Aos 8 anos de idade ele começou seu treinamento com um professor iluminado, Sant Hazara Singh, quem o proclamou Mestre de Kundalini Yoga aos 16 anos de idade.
Durante o êxodo Indiano, em 1947, com 18 anos de idade teve que deixar sua cidade natal perto de Lohore hoje, e caminhou a pé aproximadamente 1000 kilometros até Nova Delhi, onde chegou apenas com uma pequena mochila. Mais tarde ele retomou seus estudos na Universidade de Punjab onde ficou reconhecido pelos seus argumentos em debates acadêmicos e pelo seu desempenho nos esportes, ganhando de seus colegas o apelido de “China Wall”.
Após sua graduação em economia, ele começou a trabalhar num departamento governamental, apos o que foi deslocado para chefiar o setor da Aduana do aeroporto internacional de Delhi.
Ele casou-se com Indejit Kaur em 1952. Eles tiveram 2 filhos, Ranbir e Kulbir Singh, e uma filha Kamaljit Kaur.
Em setembro de 1968 ele deixou a India e embarcou para o Canada para ensinar na Universidade de Toronto, carregando consigo uma carta de recomendação do Sir James George, então alto funcionario da Embaixada Canadense em Delhi, tambem seu aluno.
Após dois meses no Canadá, Yogi Bhajan partiu para uma visita a Los Angeles. Lá ele encontrou-se com inúmeros jovens hippies, que passaram a ter nele uma referencia para genuínas experiências espirituais. Nesta época estes jovens começaram a trocar as drogas pelo Kundalini Yoga e descobriram nesta pratica uma fonte simultânea de reconstruir seus sistemas nervosos e experimentar estados elevados de consciência.
Quebrando os seculos de tradição que proibia o ensino do Kundalini Yoga em publico, este Mestre divulgou os ensinamentos publicamente usando a ciência do Yoga, as técnicas da Meditação, filosofia yoguica e amor incondicional.
Este foi um começo modesto, ensinando em centros culturais, numa loja de um dos alunos em West Hollywood, o ”Yogi” era como um imã. Os alunos se amontoavam para participar de suas aulas. Rapidamente ele estava ensinando nas universidades, Claremont e UCLA.
Tendo sido nomeado Mahan Tantrico em 1971 pelo então tibetano Lilan Po, Yogi Bhajan organizou o Tantra Yoga Branco que acontece desde então em todo o mundo.
Fiel ao que disse quando chegou ao ocidente, “eu nao vim para fazer discipulos, mas para treinar professores” uma confiável Instutuição foi criada International Kundalini Yoga Teachers Association e KRI (Kundalini Research Institute) que certificam todos os cursos e a formação de professores pelo mundo todo.
Incorporando uma combinação rara de sabedoria espiritual e “pé-no-chão”, Yogi Bhajan ficava igualmente à vontade no púlpito, no pódio, na sala de aula, na sala de visita, ou nos gramados dos parques. Seus ensinamentos influenciaram âmbitos diversos, tais como os da comunicação, da cura, dos negócios, da religião, da política.
Fiel amigo e mentor de senadores, congressistas e governantes, independente de filiação politica e religiosa, ele promoveu a consciência em diferentes arenas. Um advogado ardente da paz mundial, Siri Singh Sahib encontrou-se com líderes de todas as fés por todo o mundo para encorajar o dialogo, incluindo lideres como Papa Paulo VI, Papa João Paulo II, Dalai Lama, e dois Arcebispos de Canterbury. Em 1995 ele recebeu um premio da Abade da Paz em Sherborn, Massachusetts.
Em 1971 durante a Celebração do Festival de música de Nova Orleans, ele dividiu o podio com Swami Satchidananda e Swami Vishnudevananda. Participou de muitos eventos ecumênicos incluindo o Parlamento Mundial de Religiões.
Em junho de 1985 ele criou o Festival Internacional da Prece International Peace Prayer Day Celebration no Novo Mexico, EUA. Este dia é marcado por participações de expoentes mundiais para assuntos humanitarios, politicos e religiosos, e doações de fundos para organizações que lutam pela paz e a vida, tais como as avós para a paz e Instituto Gesundheit.
Yogi Bhajan sempre encorajou seus alunos a terem seus negocios, serem prósperos e conscientes. Uma das primeiras companhias criadas com grande sucesso através de sua orientação e receita foi o Yogi Tea, agora considerada uma das companhias liderando o mercado de chá no mundo tanto na Europa quanto nos Estados Unidos.
Ele se tornou consultor para mais de 14 corporações pelo mundo, representando industrias diversas como a de alimentos para saúde (Golden Temple Foods), computadores (Sun and Son), segurança (Akal Security).
Preocupado com a condição da mulher, inaugurou em 1972 o primeiro encontro anual de mulheres onde ele ensinou inumeras tecnicas de sustentar, elevar a auto-estima e promover a consciência maior da mulher dentro e fora do Kundalini Yoga. Yogi Bhajan tornou-se PhD em 1980, com a dissertação entitulada “Comunicação: liberação ou condenação”.
Com seus 2 metros de altura, sua poderosa presença e projeção, encantou audiências. Corajoso, destemido mas humilde, ele poderia ao mesmo tempo encantar ou duvidar de acordo com a ocasião. Sua abertura e aceitação junto com seu insistente compromisso com a excelencia fez dele um professor formidável.

Seu Lema: “If you can’t see God in all, you can’t see God at all.” (Se você não pode ver Deus em tudo, não pode ver Deus em nada)

Seu credo: “It’s not the life that matters, it’s the courage that you bring to it.” (Não é a vida que importa, mas a coragem que você traz a ela)

Seu desafio aos alunos: “Don’t love me, love my teachings. Become ten times greater than me.” (Não me amem, amem meus ensinamentos. Tornem-se dez vezes mais grandes do que eu)

Embora Yogi Bhajan tenha deixado sua forma física, ele pediu aos seus alunos e aqueles que o conheciam, que celebrassem seu retorno ao lar. A luz de sua essência espiritual continuará a abençoar a todos que ele amava, isto é, nada menos do que toda a raça humana.


Atalhos Relacionados


Envie esta página para um amigo